Ler ler ler

Desde que me entendo por gente, sempre tive um livro na mão. Lembro de ir todos os dias à biblioteca, no intervalo da aula, para devolver o livro lido e pegar outro. Sou assim até hoje: sempre estou lendo um ou dois (ou três!) livros. A tecnologia ajudou no vício em ler. Antes tinha que carregar o livro físico na mochila/bolsa, aumentando o peso e muitas vezes fazendo que desistisse. Afinal, quem carrega Moby Dick ou Game of Thrones por aí?! Hoje é possível ler no celular, tablet, computador ou em leitores próprios, que pesam poucos gramas independente do tamanho do livro. Olha que facilidade!

Essa tecnologia fez aumentar e muito a quantidade das minhas leituras. Já que o livro está sempre comigo (quem sai sem celular atualmente?), qualquer tempinho à toa é motivo para sacar o celular da bolsa e começar a ler. Então salas de espera, filas de mercado, transporte público são períodos muito mais aproveitados. Tudo isso aumentou o número de livros lidos.

Ano passado estipulei uma meta de ler 40 livros (sei que não tem a listagem dos livros lidos em 2014 e 2015, preciso resgatar do Goodreads), que foi atingido. Confesso que com uma certa dificuldade, afinal é aproximadamente finalizar um livro a cada 10 dias.

Além de aproveitar todo o tempo livre, tem que ter um pouco de disciplina também. Afinal ficar passeando pelas páginas de redes sociais, joguinhos, TV e muitas outras coisas podem diminuir o tempo disponível para ler. Então, além de aproveitar o máximo possível períodos livres durante o dia, antes de dormir também dedicava a leitura.

Como disse anteriormente, geralmente leio mais de um livro ao mesmo tempo. Sempre escolho algo que eu queira aprender mais e uma ficção. Como são temas totalmente diferentes, diminui as chances de confusão e  de misturar as histórias. O período das leituras também são diferentes: durante o dia, quando tendo a estar mais atenta, leio o tema que quero aprender; e antes de dormir, quando estou mais cansada, fico com a ficção (que não requer tanta atenção).

Não é uma regra, mas é a que mais funciona comigo. E você tem alguma técnica de leitura?

Anúncios

Autor: Fernanda

Zootecnista e Cientista da Computação. Precisa dizer algo mais, além de ter certeza que não deve ser normal?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s